Notícias » Geral

Menina gêmea que nasceu com dois úteros e malformação nos órgãos passa por cirurgias em MT

13/04/2018 às 11:31

Autor: G1 MT
Fonte: G1 MT

Uma criança de um ano, que mora em Várzea Grande, região metropolitana de Cuiabá, nasceu com malformação e deformidades em alguns órgãos internos. Sarah Liliane de Oliveira Gusmão já passou por três cirurgias e continua o tratamento em casa.

De acordo com a mãe dela, Rayane de Oliveira, o cóccix de Sarah não se formou e, por isso, o canal da vagina e do ânus não se desenvolveram. A menina também possui dois úteros, problemas na uretra, entre outras deformidades.

A mãe dela conta que estava grávida de gêmeos, mas apenas Sarah nasceu com malformação.

“Minha outra filha não nasceu com nenhuma deformação, já a Sarah passou por uma cirurgia logo no segundo dia de vida”, contou.

Sarah e a irmã gêmea estão com um ano (Foto: Rayane Oliveira/ Arquivo pessoal)

Sarah e a irmã gêmea estão com um ano (Foto: Rayane Oliveira/ Arquivo pessoal)

Rayane explica que, após o nascimento, a filha passou quatro meses internada no hospital e, depois de receber alta, continuou o tratamento em casa, com o acompanhamento de uma cirurgiã.

Sarah realizou uma cirurgia de reconstrução do canal vaginal, outra para abrir a bolsa de colostomia e outra na bexiga para a liberação da urina.

Atualmente, a criança convive com uma sonda vaginal, defeca através de uma bolsa e ainda terá que passar por outras cirurgias.

“Ela reconstruiu o canal da vagina, só que do ânus não tem como reconstruir, então terá que fazer uma ligação direta do intestino no ânus. Através de uma liminar da Justiça, vamos conseguir realizar a cirurgia”, explicou.

A família da criança pede ajuda para conseguir comprar os remédios para o tratamento, que custam em média R$ 180 e, segundo a mãe, o remédio dura menos de 30 dias.

Além da medicação, a família conta com doações para custear as despesas com fraldas, leites e remédios.

Apesar de todas as dificuldades, a mãe conta que a Sarah é uma criança alegre e o dia a dia dela é tranquilo.

“Ela possui mais limitações do que a irmã, mas ela bagunça bastante. Só falta colocar fogo na casa”, brincou a mãe.

WEBMAIL

Coloque seu e-mail e senha para ter acesso ao webmail.

Enquete

O que você achou do nosso site? Dê sua opinião e nos ajude a melhorar nossa plataforma